As bandas de congo mirins: ensino popular e vivência de cultura afro-brasileira na Serra (ES)

Michel Dal Col Costa

Resumo


O artigo busca apresentar um pouco da tradição das bandas de congo da cidade da Serra, na Região Metropolitana de Vitória (ES), focalizando especialmente a história da participação das crianças nessas manifestações culturais. Com base em um retrato dessa participação ao
longo dos tempos, constituído por observação etnográfica, entrevistas e outras fontes, pretende-se entender melhor o trabalho estruturado feito com as crianças nas chamadas “bandas de congo mirins” da região. Apontam-se alguns elementos do processo de transmissão cultural de conhecimentos referentes a essa cultura e mostra-se como tais elementos ainda se valem de formas antigas e tradicionais de ensino da cultura presentes nessas comunidades. Com isso, apresenta-se a face popular de um ensino não escolar e a vivência da cultura afro-brasileira em um município brasileiro.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.20949/rhhj.v1i1.14

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Michel Dal Col Costa

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

       

 

 

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia