Ensino de História no currículo integrado: desafios do tempo presente

Adriano Larentes da Silva

Resumo


O objetivo deste artigo é discutir a relação entre o ensino de História e a educação profissional, apontando as especificidades e os desafios do trabalho em cursos ligados ao currículo integrado. Para esse diálogo tomam-se como objeto de análise dois cursos de Ensino Médio Integrado voltados à formação básica e técnica de adolescentes, jovens e adultos ofertados pelo Institutos Federal de Santa Catarina. Dentre os materiais pesquisados estão artigos acadêmicos, notícias, planos de ensino e os projetos político-pedagógicos de ambos os cursos. Os resultados do trabalho mostram o currículo integrado como um novo espaço de atuação dos professores de História, com inúmeras possibilidades para a materialização dos saberes específicos da área e para a efetivação da interdisciplinaridade.


Texto completo:

PDF

Referências


BASTIÁN, Victor H. J. La Enseñanza de la Historia en el CONALEP: una propuesta. In: ENCUENTRO NACIONAL DE PROFESIONALES DE LA ENSEÑANZA DE LA HISTORIA, 1., UNAM, 2010, Ciudad de México. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/221931796_La_Ensenanza_de_la_Historia_en_el_CONALEP_una_propuesta. Acesso em: jun. 2013.

BITTENCOURT, Circe M. F. Ensino de História: fundamentos e métodos. 4.ed. São Paulo: Cortez, 2011.

BRASIL. Histórico da Educação Profissional. 2009. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/centenario/historico_educacao_profissional.pdf. Acesso em: out. 2016.

CIAVATTA, Maria. A Formação integrada: a escola e o trabalho como lugares de memórias e de identidade. In: FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise N. Ensino médio integrado: concepções e contradições. São Paulo: Cortez, 2005. p.83-106.

FONSECA, Thais N. de L. História e Ensino de História. 3.ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2002.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A Produtividade da Escola Improdutiva. 7.ed. São Paulo: Cortez, 2006.

GUIMARÃES, Selva. Didática e Prática de Ensino de História. 12.ed. Campinas: Papirus, 2011.

INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA (IFSC). Projeto Pedagógico do Curso Técnico de Nível Médio Integrado em Informática. Chapecó, 2010.

_______. Projeto Pedagógico do Curso Técnico em Eletromecânica – PROEJA. Chapecó, 2015.

_______. Oficinas de Integração instigam a realização de pesquisa pelos alunos durante o Ensino Médio. Chapecó, 2016. Disponível em: http://www.chapeco.ifsc.edu.br/index.php?option=com_content&view=article&id=771:oficinas-de-integracao-instigam-a-realizacao-de-pesquisa-pelos-alunos-do-ensino-medio. Acesso em: out. 2016.

_______. Plano de Ensino da Oficina de Integração I: semestre 2016.1. Chapecó, 2016a.

MANFREDI, Silvia M. Educação Profissional no Brasil. São Paulo: Cortez, 2002.

MARTINS, Marcos F. Ensino Técnico e Globalização: cidadania ou submissão? Campinas: Autores Associados, 2000.

PLÁ, Sebastián. Las competencias: eje para la transformación del conocimiento histórico escolar. Un estudio comparativo en América Latina. Enseñanza de las Ciencias Sociales, Barcelona, n.10, p.61-70, 2011.

PINEDA, Ofelia P. C.; PEREA, Luis J. La enseñanza de la historia en las escuelas técnicas en México. El caso de CONALEP. In: CONGRESO CENTROAMERICANO DE HISTORIA, 6. Universidad de Panamá, 2002, Panamá. Disponível em: www.hcentroamerica.fcs.ucr.ac.cr/.../opidtal.doc. Acesso em: jun. 2013.

RAMOS, Marise N. A pedagogia das competências: autonomia ou adaptação? 4.ed. São Paulo: Cortez, 2011.

_______. Concepção do Ensino Médio Integrado. 2008. Disponível em: http://tecnicadmiwj.files.wordpress.com/2008/09. Acesso em: 20 abr. 2012.

SACRISTÁN, José G. La pedagogía por objetivos: obsesión por la eficiencia. Madrid: Morata, 1988.

SCHMIDT, Maria A.; CAINELLI, Marlene. Ensinar História. São Paulo: Scipione, 2004.

SILVA, Adriano L. Currículo Integrado. Florianópolis: IFSC, 2014.

_______. O Ensino de História no PROEJA: limites e possibilidades. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 27., ANPUH, 2013, Natal.

_______. O PROEJA no Instituto Federal de Santa Catarina. In: REUNIÃO ANUAL DA ANPED, 35., 2012, Ipojuca, PE. Anais... Rio de Janeiro: ANPED, 2012.

SILVA, Adriano L.; COSER, Joni. A experiência do Projeto Integrador I no curso de PROEJA em Eletromecânica do IFSC Campus Chapecó. Revista Técnico-Científica do IFSC, Florianópolis, v.1, n.3, 2012.

SILVA, Adriano L.; GREGGIO, Saionara; AGNE, Sandra A. Currículo integrado e materiais didáticos no ensino de jovens e adultos: uma análise a partir da experiência com oficinas de acolhimento no curso de PROEJA em Eletromecânica. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE AVALIAÇÃO, 3., e CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO, 8., 2013, Gramado. São Leopoldo: Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

SILVA, Adriano L.; SANTOS, Tiago C. G. Produção de Materiais Didáticos para a Educação Profissional e Tecnológica. 2010. Disponível em: http://professores.chapeco.ifsc.edu.br/adrianosilva/files/2012/03/producoes-de-materiais-didaticos-para-a-educacaoprofissional2.pdf. Acesso em: 12 jan. 2014.

SILVA, Adriano L.; SILVA, Ângela. O PROEJA no IFSC, Campus Florianópolis-Continente: reflexões sobre uma construção coletiva. Revista EJA em Debate, Florianópolis, v.1, n.1, 2012.

SILVA, Marcos A.; FONSECA, Selva G. Ensino de História hoje: errâncias, conquistas e perdas. Revista Brasileira de História, São Paulo, v.31, n.60, p.13-33, 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbh/v30n60/a02v3060.pdf. Acesso em out. 2016.




DOI: https://doi.org/10.20949/rhhj.v5i10.302

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Adriano Larentes da Silva

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

       

 

 

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia