Livro didático de História: representações do ‘índio’ e contribuições para a alteridade

Maria de Fátima Barbosa da Silva

Resumo


A Lei 11.645/2008 objetiva contribuir para a construção de uma educação que valorize as relações étnico-raciais no sentido do resgate das identidades,incentivando o respeito entre os grupos que compõem a nossa sociedade e o questionamento do mito da ‘democracia racial’. O acréscimo da temática indígena não implica apenas o acréscimo de conteúdos, mas também novas abordagens, novas metodologias, novos objetos na História Ensinada. Em síntese, implica uma História que rompe com a tradicional visão eurocêntrica e propõe a desconstrução de estereótipos. Este estudo destaca os efeitos da Lei 11.645/2008 no livro didático e sugere como este pode ajudar na construção das identidades, fortalecendo os vínculos identitários dos estudantes e contribuindo para uma maior alteridade.

Texto completo:

Sem título


DOI: https://doi.org/10.20949/rhhj.v1i2.45

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Maria de Fátima Barbosa da Silva

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

       

 

 

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia