A escuta como forma de testemunhar o sofrimento vivido por crianças na Segunda Guerra Mundial

Dalânea Cristina Flor, Claricia Otto

Resumo


"As Últimas Testemunhas - Crianças na Segunda Guerra Mundial”, da Nobel de literatura Svetlana Aleksiévitch, apresenta uma centena de relatos de adultos que vivenciaram a segunda Guerra Mundial durante a infância. Os relatos, coletados entre os anos e 1978 e 2004 e somente traduzido para o português em 2018, trazem o modo como cada adulto, na época criança, viu, sentiu e viveu os horrores da Guerra e como cada um lida com esta experiência após tantos anos.   


Texto completo:

PDF

Referências


ALEKSIÉVITCH, SVETLANA. As Últimas Testemunhas - Crianças Na Segunda Guerra Mundial. Companhia Das Letras. 2018. Tradução: Cecília Rosas.

PORTELLI, Alessandro. Tentando aprender um pouquinho: algumas reflexões sobre a ética na história oral. Projeto História. São Paulo, n. 15, abr./1997, p. 13-49.

POLLAK, Michael. Memória, esquecimento, silêncio. Rio de Janeiro, Estudos Históricos, v.2 n. 3, 1989, p. 3-15.

HALBWACHS, Maurice. A Memória Coletiva. Tradução: Beatriz Sidou. São Paulo: Centauro, 2006, p. 29-70.

POLLAK, Michael. Memória e identidade social. Estudos históricos, Rio de Janeiro, v. 5, n. 10, 1992, p. 200-212.




DOI: https://doi.org/10.20949/rhhj.v8i16.556

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Dalânea Cristina Flor, Claricia Otto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

       

 

 

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia